Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

AMI - Age, Muda, Integra

Pedidos de ajuda à AMI registam aumento de 14,5%

Há cada vez mais pessoas a solicitar apoio social à AMI. O primeiro trimestre deste ano registou um aumento de 14,5% nos pedidos de ajuda comparativamente ao período homólogo de 2012 tendo recorrido ao apoio da AMI, 8.890 pessoas.

 

Das solicitações apresentadas, merecem destaque as necessidades relacionadas com alojamento e ainda problemáticas de endividamento, rendas em atraso ou dificuldades em cumprir com o crédito à habitação.
 
Durante este primeiro trimestre aumentou, não só o número de desempregados a solicitar apoio, mais 8,8%, mas também pessoas com atividade profissional (mais 6,3% que no primeiro trimestre de 2012).
 
Recorde-se que, no ano passado, a AMI atingiu o valor mais elevado de sempre tendo apoiado 15.764 pessoas. Um aumento de 107% relativamente a 2008.
 
Para Fernando Nobre, presidente da AMI, “a crise atual demonstra-nos a absoluta e urgente necessidade de uma maior solidariedade entre todos e de um novo paradigma de sociedade, sustentado na maior equidade na redistribuição da riqueza e numa maior justiça social, algo só possível de alcançar com valores humanistas, visão estratégica e sensibilidade”.